Domingo, 27 de Junho de 2004

Recados de poetas

Hoje, na Catedral, os poetas deixaram recados para mim e para outros que por aqui andam nesta faina e prazer que é a escrita. Agradeço ao Ognid as belas fotos e a lembrança, com um poema de Sophia de Mello Breyner, uma das que deixou recado.



As imagens transbordam




As imagens transbordam fugitivas
E estamos nus em frente às coisas vivas.
Que presença jamais pode cumprir
O impulso que há em nós, interminável,
De tudo ser e em cada flor florir?
publicado por lique às 22:14
link do post | quer comentar? | favorito
|
5 comentários:
De Anónimo a 30 de Junho de 2004 às 21:26

Foi lindo, lique. Houve uma lagriminha, sim. Porque as fotos estão maravilhosas e eu recebi um recado de um sítio que é neste momento o meu local de culto...

LibeLua
(http://oblogdalibelua.blogs.sapo.pt)
(mailto:libeLua@sapo.pt)
De Anónimo a 28 de Junho de 2004 às 00:51
que bom vir te ler. fiquei muito feliz
beijos e carinhos
mariamaria
(http://digressivamaria.blogspot.com/)
(mailto:digressiva@uol.com.br)
De Anónimo a 27 de Junho de 2004 às 23:43
Obrigada ognid, vou ver muitas vezes o teu blog. adoro as tuas fotos:)wind
</a>
(mailto:sagit_126@hotmail.com)
De Anónimo a 27 de Junho de 2004 às 23:37
lique, obrigado pela referência que fizeste à nossa "posta". Foi apenas um pequeno agradecimento ao muito que todos vocês que sabem escrever nos dão, diáriamente. O poema da Sophia é lindo e fico todo vaidoso. Wind, obrigado pela opinião manifestada sobre as fotografias da Catedral. E as fotografias, apesar de especialmente dedicadas a algumas pessoas, são para todos :))ognid
(http://catedral.weblog.com.pt)
(mailto:ognid@sapo.pt)
De Anónimo a 27 de Junho de 2004 às 23:31
Lique embora as fotos da Catedral sejam para quem tem posts, fui vei e adorei;) Quanto a Sophia de mello Breyner que escrever? Fico sempre sem palavras perante essa Senhora:-) Obrigada:) Beijos e boa semana:)***wind
</a>
(mailto:sagit_126@hotmail.com)

Comentar post