Sábado, 29 de Maio de 2004

Quase de nada místico

gold.jpg

Não, não deve ser nada este pulsar
de dentro: só um lento desejo
de dançar. E nem deve ter grande
significado este vapor dourado,

e invisível a olhares alheios:
só um pólen a meio, como de abelha
à espera de voar. E não é com certeza
relevante este brilhante aqui:

poeira de diamante que encontrei
pelo verso e por acaso, poema
muito breve e muito raso,
que (aproveitando) trago para ti.




Ana Luísa Amaral, in Às vezes o paraíso





Um pouco de pó dourado para fazer brilhar o fim de semana.

publicado por lique às 20:01
link do post | quer comentar? | favorito
|
35 comentários:
De Anónimo a 1 de Junho de 2004 às 20:55
Analfas: ainda bem que avisas. Já sei onde te encontrar:))*lique
</a>
(mailto:lique2@sapo.pt)
De Anónimo a 31 de Maio de 2004 às 01:05
Cuidado o gajo "polittikus" não é de confiança... sou eu. hahahahahahahaha Adorei o poema, faço das palavras da marilia as minhas.analfabeto
(http://analfabetosexual.blogs.sapo.pt)
(mailto:pp@sapo.pt)
De Anónimo a 30 de Maio de 2004 às 23:12
boa escolhaalexandre
(http://alexandre-monteiro.blogspot.com)
(mailto:arqueologia@portugalmail.pt)
De Anónimo a 30 de Maio de 2004 às 19:51
Sara: obrigada. Um destes dias alguma coisa mais aparecerá. Tem uma noite prateada... Beijinhoslique
</a>
(mailto:lique2@sapo.pt)
De Anónimo a 30 de Maio de 2004 às 19:47


Simplesmente belo. Uma pedra preciosa... Mas eu ainda gosto mais quando as palavras te saem inesperadamente (para nós...)e nos surpreendes com o teu pr´prio pó de diamante...
Um bom resto de Domingo e beijinho
deSaraComAmor
(http://oblogdalibelua.blogs.sapo.pt)
(mailto:deSaracomAmor@sapo.pt)
De Anónimo a 30 de Maio de 2004 às 19:46
MJM: olá, baby. Olha, eu também não conheço tudo dela mas quero aproveitar agora a Feira do Livro para comprar umas coisas. Ainda bem que o poema ajudou o teu dia a brilhar. Beijinhoslique
</a>
(mailto:lique2@sapo.pt)
De Anónimo a 30 de Maio de 2004 às 19:44
polittikus: olá , bem vindo por aqui. Vieste num dia de poema dourado, eu hei-de visitar-te num outro dia. Prometo que vou. Bom resto de dia.lique
</a>
(mailto:lique2@sapo.pt)
De Anónimo a 30 de Maio de 2004 às 19:43
Maria : sei que é das tuas favoritas. Acho que a suavidade das palavras dela tem tudo a ver com o que conheço de ti. beijinhos dourados.lique
</a>
(mailto:lique2@sapo.pt)
De Anónimo a 30 de Maio de 2004 às 19:41
Susana: lindo o poema, não é?. Acho que ainda sobrou um bocadinho de pó para ti. Beijinhos lique
</a>
(mailto:lique2@sapo.pt)
De Anónimo a 30 de Maio de 2004 às 18:33
Não conhecia a autora, mas indica ter uma escrita bem suigeneris. Pegaste na suavidade dessas imagens e ofereceste algum pó dourado ao meu gloomy day. Thks. KissMJM
(http://babylonia.blogs.sapo.pt/)
(mailto:cacooco@hotmail.com)

Comentar post