Quarta-feira, 5 de Maio de 2004

Heróis pela negativa

no-justice.gifSomos um povo triste. Só mesmo os franceses para dizerem que “les portugais sont toujours gais”. Não sei para que portugueses estavam eles a olhar quando inventaram esta. Somos um povo que raramente se assume colectivamente e se motiva para um projecto comum. A não ser… a não ser que exista algum herói, algum exemplo, alguém extraordinário a seguir! Nós precisamos de heróis como de pão para a boca. Precisamos de pessoas que apareçam nos media, nos façam reagir desta triste apatia e nos mobilizem.
O grave problema do nosso tempo é a falta de heróis positivos. Onde andam os descendentes de todos aqueles que nos guiaram em alguma época? Digo isto porque nós só vamos lá (onde?) guiados…Na classe política, não vejo nem sequer ao longe ninguém indicado. Temos sempre o futebol, mas aí só o FCP se candidata e dificilmente obtém consenso nacional.
Então, na falta de heróis pela positiva, começaram a surgir os heróis pela negativa. Só assim eu consigo entender as manifestações de apoio e desagravo a pessoas como Vale e Azevedo, Fátima Felgueiras, Valentim Loureiro, Carlos Cruz e outros acusados no processo Casa Pia. Só assim eu entendo que as pessoas esperem à porta desta gente para os abraçar e mostrar a sua solidariedade às esposas e aos filhinhos(as) chorosos.
Só assim posso perceber aquele arraial dos media ontem à noite e o facto de, hoje de manhã bem cedinho, estarem todos prantados em frente da casa de Carlos Cruz, à espera de, como dizia o repórter da SIC Notícias, “terem a sorte dos colegas do Norte quando o major Valentim Loureiro veio em pijama cumprimentar os jornalistas”. Já nem quero lembrar aquela vergonhosa recepção a Paulo Pedroso na Assembleia da República…
O fenómeno é apartidário, começa a ser nacional, no sentido de que não se limita aos caciques locais, e, digo eu, é preocupante. Se a justiça os considerar culpados, o que vai acontecer? Será que os que os consideram heróis perseguidos vão crucificá-los logo a seguir? E se a justiça os inocentar? Será que vão crucificar as vítimas? Isto de ser herói pela negativa, tem que se lhe diga!
publicado por lique às 17:58
link do post | quer comentar? | favorito
12 comentários:
De Anónimo a 5 de Maio de 2004 às 19:41
Lique não tem piada nenhuma, mas ao ler-te sorri. É que ontem ao ver a fantuchada que foi a libertação do carlos cruz e do arraial que fizeram, dei comigo a falar para a televisão, a abanar a cabeça e a dizer asneiras! Não queria acreditar no que estava a acontecer. E mais daqui a 1 mês libertam o outro, só o bibi fica porque é arraia miúda! Isto revolta-me. Quando vi o valentim loureiro também coloquei as mãos na cabeça e só abanava a cabeça. Aplaudido pelo povinho. Se calhar a elitista agora estou a ser eu, mas não entendo este comportamento das pessoas: beijos:))wind
</a>
(mailto:cruzi@netcabo.pt)
De Anónimo a 5 de Maio de 2004 às 18:59

lá vai então a minha banalidade do dia: a questão dos heróis negativos não terá ver, no plano mais geral, com o bloqueamento da sociedade actual e a "morte" das utopias?! se alcançamos o "fim da história" que mais resta que não seja projectar o imaginário social nos títeres que, com alguma dramaticidade, dominam o espaço público?!... DonBadalo
</a>
(mailto:DonBadalo@sapo.pt)

Comentar post